A Galinha dos Ovos de Ouro
Monteiro Lobato

João Impaciente descobriu no quintal uma galinha que botava ovos de ouro, mas um por semana apenas.

Louco de alegria, disse à mulher:
- Estamos ricos! Esta galinha traz um tesouro no ovário. Mato-a e fico o mandão aqui das redondezas.
- Por quê matá-la, se conservando-a você obtém um ovo de ouro de sete em sete dias?
- Uai, porque? Não fosse eu João Impaciente!
Quer que me satisfaça com um ovo por semana quando posso conseguir a ninhada inteira num momento?

E matou a galinha.  Dentro dela só havia tripas, como nas galinhas comuns.
João Impaciente, logrado, continuou a marcar passo a vida inteira, morrendo sem vintém.

A vida é assim mesmo, UAI! Quem não sabe esperar, pobre há de acabar...

Entrou por uma porta e saiu por outra...
Quem quiser que conte outra!

 

Voltar