Aprendendo a Subtrair
Contos da Maux


 

 

Depois da SOMA, a Fada Dorminhoca ensinou aos homens outra maneira de lidar com os nùmeros e a chamou de SUBTRAÇÃO.

Ela foi criada para resolver situações como essa:

Você tinha cinco soldadinhos de chumbo e perdeu dois numa aposta com seus amiguinhos. Com quantos soldadinhos de chumbo você ficou?

A Fada Dorminhoca criou um sinal que é um tracinho - chamado MENOS.
O sinal de  IGUAL A = continuou a ser usado.

Então a operação acima fica montada assim:

  menos 

é igual a

 

Em representação numérica temos:

5 - 2 = 3

O número maior, AQUI NO CASO É O , é chamado MINUENDO (que nome feio, né?).

É dele que se vai tirar o número menor, AQUI É O , que tem outro nome feio: SUBTRAENDO.

O MINUENDO sempre tem que ser maior do que o SUBTRAENDO porque ninguém pode tirar o que não existe. Se você precisar tirar mais do que tem, vai ficar devendo, não é mesmo?

O resultado desta operação, AQUI NO EXEMPLO CITADO É O , chama-se DIFERENÇA.

Você pode pensar que DIFERENÇA é sempre o que sobra.

Vamos resolver alguns probleminhas?

1) Joãozinho foi à padaria e comprou seis pães. No caminho comeu dois pães, porque estava com muita fome e eles estavam muito quentinhos. Com quantos pães Joãozinho chegou em casa?

2) Marina tinha cinco bonecas. Uma delas era de porcelana, caiu e quebrou. Com quantas bonecas Marina ficou?

3) Carlos comprou três livros. Como estava de férias, leu logo dois deles. Quantos livros faltam para Carlos ler?

Peça para a mamãe corrigir seus probleminhas.

"Maux ensina Matemática"
Autora: Maria Auxiliadora Mota Gadelha Vieira (Maux)
Texto protegido pela Lei de Direitos Autorais
 

 

 

Voltar