APRENDI

Aprendi a conhecer você
assim como os pássaros
conhecem seus caminhos.
Sem dúvidas...
Num vôo livre
que se abre ao infinito.

Aprendi a caminhar com você
assim como os rios
caminham numa só direção,
num rumo direto de correntezas,
de passos firmes como as águas.

Aprendi a respeitar você
assim como as estrelas
respeitam o brilho da lua,
que sabem que como aquela
só existe uma única no mundo.

Aprendi a brigar com você
assim como as ondas do mar
brigam e se debatem inutilmente,
para depois se transformarem
em suaves espumas... na areia.

Aprendi a entender você
assim como as montanhas
entendem as nuvens,
que se esticam como que
pedindo... chuva...
para seus campos secos.

Aprendi a amar você
assim como os pássaros
amam a liberdade,
os rios amam suas águas,
as estrelas amam o céu,
as ondas amam o mar
e as montanhas amam seus campos.

Aprendi a amar você
com o amor mais puro
e sublime que existe em nós.
Assim como amo a Deus:
Eternamente!

Autora: Sueli Aparecida Donario Campos
Poema de 18/07/1975
Página formatada em 11 ago 2004


Este belo poema circula na NET como composição de outra pessoa.
Embora solicitada a realizar a correção a usurpadora não desfez o erro.
A verdadeira autora do poema é Sueli Aparecida Donario Campos 
(Safira Lilás® Sueli Donario).


 

Voltar

Envie esta página para:

Digite o seu e-mail

Coloque seu nome

E-mail de quem a receberá