ORAÇÃO A UM PAI

Vai, querido e velho Pai!
Liberto finalmente de tão sofrido invólucro carnal,
esquece de todos os sofrimentos e ansiedades
de tantos anos
de tua existência material.

Saboreia agora, a merecedora leveza de teu espírito.
Ganha a liberdade do corpo e da alma.
Alcança agora, a grande paz imorredoura,
dos que viveram com altivez e glória.

Repousa enfim, no teu sepulcro,
ao lado de teu querido filho caçula,
tua moradia final...
Cresce ainda mais na paz eterna,
que só os heróis conquistam e,
acima de tudo,
olha por nós, teus filhos
que aqui ficaram com a tua lembrança.

Geraldo Luiz Leite Mota
Página formatada em 14 jan 2003


 


 

 

 

voltar