Amada Amante

Este amor demais antigo,
amor demais amigo,
que de tanto amor viveu...
Que manteve acesa a chama
da verdade de quem ama,
antes e depois do amor...

E você, Amada Amante,
faz da vida um instante
ser demais para nós dois...
Esse amor sem preconceito,
sem saber o que é direito,
faz as suas próprias leis...

Que flutua no meu leito,
que explode no meu peito
e supera o que já fez...
Neste mundo desamante
só você, Amada Amante,
Faz o mundo de nós dois!

Amada Amante, Amada Amante,
Amada Amante, Amada Amante.

Roberto Carlos e Erasmo Carlos

Voltar