Jura Secreta

Só uma coisa me entristece:
o beijo de amor que não roubei,
a jura secreta que não fiz,
a briga de amor que não causei.

Nada do que posso me alucina
tanto quanto o que não fiz.
Nada do que eu quero me suprime
e que por não saber ainda não quis.

Só uma palavra me devora:
aquela que meu coração não diz.
Só o que me pega, o que me faz infeliz,
é o brilho do olhar que não sofri.

Letra de Sueli Costa musicada por Abel Silva
Gravação de Zélia Duncan

Voltar