MÃE

Eu queria escrever um poema que retratasse
a figura doce e terna de minha mãe.
Um poema que lembrasse a alegria pura
que sentia nos dias de festa.

Páscoa... Família reunida.
Ovos de chocolate, paçoca e pinhão.
Mamãe trabalhava, sorria, rezava!

Um poema que lembrasse  as noites de Natal!
Presépio armado... Família reunida.
Missa do Galo... Ceia... Papai Noel... Presentes...
Mamãe trabalhava, silenciava, rezava...

As sementinhas da romã, na passagem do ano,
apelando aos Santos Reis, prosperidade.
Superstições... Mamãe não acreditava.
Mamãe calma, contrita, rezava!

Um poema que lembrasse  o Dia das Mães!
Festa! Alegria! Ternura...
Mamãe sorria, agradecia!

Eu queria escrever um poema
que na memória avivasse
a figura saudosa de minha Mãe.
As noites mal dormidas.
As madrugadas despertadas
velando o sono dos filhos.

Um poema que dissesse verdades
sobre sua grande capacidade
de contornar situações difíceis! 
Mãe sábia, bondosa, firme, tranqüila!

Eu queria escrever um poema
que contasse sua vida:
a sua vida de Mulher, Esposa e Mãe.
Um poema que ultrapassasse fronteiras...

Chegasse ao infinito para agradecer ao Senhor
a maravilhosa riqueza do amor de minha Mãe.
Seus exemplos dignificantes, trago-os,
bem vivos, entranhados no meu coração.

Eu queria escrever um poema
mas meu pensamento dispersa,
as palavras fogem!...
É muito difícil descrever, com fidelidade,
a figura de minha Mãe!

Que presunção a minha!...
Ela merece o poema  mais perfeito,
os versos mais rimados.
Um poema-canção que, em versos,
cantasse a música dos justos.

Que presunção  a minha!...
Eu queria escrever um poema
que falasse da saudade e da eternidade
das coisas que não voltam,
mas que não morrem jamais.

Eu queria escrever um poema
e ofertá-lo neste Domingo de Maio,
quando o outono começa a mostrar
seus primeiros indícios de frio.
Frio de saudade!
Frio de ausência, solidão...

Eu só queria escrever um poema...

Eunice Fernandes
Página formatada em 28 jul 2004

 

 

Envie esta página para:

Digite o seu e-mail

Coloque seu nome

E-mail de quem a receberá

 

voltar