UM POEMA, UMA CANÇÃO

"Sentado à beira do caminho",
diz o cantor com jeitinho.
Eu aqui choro, escutando
e só de você lembrando.

Recordo com emoção
nós dois ouvindo a canção:
seu olhar no meu perdido,
seu sorriso tão querido...

Emocionada escutava.
Tão terno, você cantava
bem baixinho esta canção,
tocando o meu coração.

Hoje eu a ouço chorando,
não mais com você estando
e ainda à espera de um amor...

Autora: Mª Auxiliadora Mota G. Vieira (Maux)
"Poemas Adolescentes"
Página formatada em 24 fev 2004

 

 

Voltar

 

 

 

Envie esta página para:

Digite o seu e-mail

Coloque seu nome

E-mail de quem a receberá