PIQUETE - CIDADE PAISAGEM
SUA GENTE

Geraldo Ferreira Pinto

Filho de Gustavo Alves Ferreira e de Ana Severino Arantes, nasceu em São Gonçalo do Sapucaí, Minas Gerais, a 16 de março de 1911. Chegou a Piquete em 18 de outubro de 1937, vindo a pé de Delfim Moreira, para trabalhar com o Sr. Geraldo Giffoni. Após algum tempo em nossa cidade, passou a trabalhar na FPV, onde ficou por três anos. Posteriormente, em 1941, comprou um estabelecimento comercial, o bar do Sr. Benedito Elias. Em 1943, desposou a Sra. Judith Alves Pinto. Tiveram seis filhos: Ana Célia, Vera Lúcia, Abigail Léa, Sandra Maria, Elizabeth e Francisco Marcos. Em agosto de 1949 iniciou sua vida no serviço público estadual. Na Secretaria de Saúde, exercia a função de servente no posto de assistência médica e sanitária. Permaneceu por mais de trinta anos ao lado dos companheiros de trabalho: Dr. José Amoroso e Paulo de Carvalho Rosas. As campanhas sanitárias desenvolvidas pelo Posto, com a presença desses senhores, ainda permanecem em nossas lembranças. Vacinação e, principalmente quando cursávamos o primário, a das verminoses, eram o terror das crianças. Todos eram obrigados a tomar o terrível "lombrigueiro", uma cápsula transparente que continha um óleo de cheiro forte. "Seu" Geraldo, com paciência, explicava às crianças que não era injeção, portanto, não doía. Só não contava quais seriam os efeitos no dia seguinte. Ainda nos recordamos de suas inspeções sanitárias pela cidade. De avental branco e bicicleta, percorria os quintais em busca de chiqueiros, águas paradas, curtumes, matadouros clandestinos ou algo que pudesse prejudicar a saúde da nossa população. Seu espírito comunitário aguçado levou-o a ingressar na política, em 1955. Cumpriu três mandatos, como vereador. Em 1962, foi eleito Presidente da Câmara Municipal. Após uma pausa reelegeu-se novamente, em 1972. Nessa legislação, foi vice-presidente da Câmara, no biênio 1975/1976. Seu trabalho no Posto de Saúde terminou com sua aposentadoria, em 1981, na função de fiscal de saúde pública. Pelos serviços prestados à comunidade piquetense, recebeu o título de Cidadão Honorário Piquetense, em 22 de abril de 1991. "O ESTAFETA" presta, nesta edição, uma merecida homenagem ao Sr. Geraldo Ferreira Pinto, para que se registre seu exemplo de trabalho comunitário. Que as novas gerações possam se espelhar em suas ações, muito mais que profissionais, em prol do bem comum.


Da esquerda para a direita: Dr. José Amoroso e Srs. Paulo Rosa, Mauricio Pesciotta e Geraldo Ferreira Pinto.

Jornal "O Estafeta" - junho de 1999
Coluna "Gente da Cidade"
Página formatada em 01 nov 2004

 

 

Envie esta página para:

Digite o seu e-mail

Coloque seu nome

E-mail de quem a receberá

 

Voltar