PIQUETE - CIDADE PAISAGEM
História

 


Inauguração da Torre de TV, no Pico do Ataque, prestigiada pela sociedade piquetense.
Arquivo Ilce Nunes Pazzini

A Inauguração da Torre da Televisão em Piquete

Revestida de solenidade deu-se no dia 7 de agosto de 1960, no Pico do Ataque, a mais de 2000 m de altitude, a inauguração da torre de TV. Os atos solenes foram abertos pelo Sr. Christiano A. da Rosa, que convidou o Capitão Willy Antonio Pereira, representante do diretor da FPV, a estourar um champanhe "sobre a aparelhagem". O Cap. Willy, entretanto, passou a honra da solenidade ao Sr. Oswaldo Coelho Nunes, que aquiesceu prazerosamente. Várias pessoas discursaram, aplaudindo o fato auspicioso e enaltecendo aqueles que tanto lutaram em prol da TV, em Piquete. 


Oswaldinho Nunes tendo ao colo sua filha Selma, Capitão Willy, menino Hugo Soares.
Os demais retratados não foram identificados.
Arquivo Ilce Nunes Pazzini

Desde a inauguração da televisão no Brasil, em 1950, em São Paulo, pela PRF3-TV, futura TV TUPI, a população piquetense passou a sonhar com aquela que se tornaria o maior e mais popular meio de comunicação e entretenimento do mundo. O pioneirismo para a instalação da TV em nossa cidade coube ao Sr. Oswaldo C. Nunes que, tendo adquirido um aparelho da marca Zenith, em 1959, não podia usufruir do mesmo. Faltava uma torre de retransmissão que captasse os sinais de São Paulo e do Rio de Janeiro e os enviasse para os aparelhos da cidade. 


Na inauguração da Torre de TV no Pico do Ataque, várias pessoas da sociedade piquetense: José Armando de Castro Ferreira, Luiz de Barros, "Zé do Bar", Antonio Brasilino, Armando Marques e Osvaldo Nunes. Destaque para as crianças: Ilce, Selma e Ivo Nunes e Luciano Ramos da Silva.

Em junho de 1959, o jornal "A Cidade" noticiava o desenvolvimento das primeiras experiências com TV, em Piquete e o trabalho dos Srs. Oswaldinho e José Ferreira da Silva (Berné) para a captação e transmissão dos sinais para a população da cidade. As primeiras recepções foram assistidas por grande público, no "Bar do Armando", em julho desse mesmo ano.

Com um misto de curiosidade e grande expectativa, a população que assistiu às primeiras imagens se manifestou favorável à formação de uma comissão para estudar a melhor maneira de se instalar uma torre de retransmissão num ponto mais elevado do município. A comissão pró-instalação da TV foi constituída pelos Srs. Christiano A. da Rosa, presidente; José Armando de Castro Ferreira, secretário; Antonio Brasilino, Diocesano Ramos da Silva, Fausto de Andrade Nunes e José Gomes de Siqueira. O presidente de honra foi o Sr. Oswaldo C. Nunes. Para a instalação dos aparelhos retransmissores, em qualquer ponto do município, era necessário levar até lá energia elétrica. Socorreu-nos a FPV, que se prontificou a ceder da REPI a energia necessária. Em agosto, a Comissão Pró-TV, vereadores e Prefeito reuniram-se para estudar a possibilidade de se instalar a antena no Pico do Cabrito. Durante todo o ano, o assunto na cidade era a chegada da televisão. Após o parecer de técnicos, contando com apoio do Cap. Willy e do diretor da REPI, Maj. Nelson, escolheram o Pico do Ataque, pela proximidade da rede elétrica e também por ser mais alto que o do Cabrito. Logo teve início o preparo do local e a instalação das antenas e dos retransmissores. No dia 7 de agosto de 1960, era grande o número de pessoas que foram assistir à inauguração, no Pico do Ataque. Estavam lá, além da comissão oficial, vários da Pró-TV: Berné, Fausto, Carlos Vieira, Guilherme e outros. Entre os muitos discursos, o da Profª Mariinha Mota sobre a grandiosidade do feito e do idealismo daquele punhado de homens que visavam a uma Piquete melhor. O Prof. José Carlos Ribeiro sugeriu que a Câmara concedesse ao Sr. Oswaldo Coelho Nunes o título de "Cidadão Honorário Piquetense", pelo seu empenho em prol da TV em nossa cidade. O técnico Antonio Guilherme fez a ligação dos aparelhos. Ao sabor de um lanche, gentileza do Sr. José Moreira da Silva (Zé do Bar), os presentes assistiram à TV a mais de 2000 m de altura. Nesse ambiente cordial, estava inaugurada a retransmissão de TV em Piquete.

Texto publicado no Jornal "O Estafeta"
Piquete - São Paulo

 

Rememorando...

A edição de número 27 do Estafeta conta um pouco da inauguração da torre de TV, citando inclusive um discurso feito por sua mãe. Eu me lembro perfeitamente daquele primeiro aparelho de TV, marca Zenith, da antena que papai colocou no alto do Santo Cruzeiro, de nós crianças, afastarmos a mesa da sala e colocarmos as cadeiras como num auditório e passarmos horas na frente dele ouvindo chiados e vendo chuviscos e vibrando quando aparecia alguma sombra de imagem. 

Outra lembrança é de uma viagem até o Pico do Itatiaia para conhecer o sistema da repetidora que estava instalada lá. A Kombi subiu até lá com galhardia, mas a volta foi uma novela, pois as curvas eram tão fechadas que prendia o pára-choque traseiro e nós tínhamos que descer para levantar a traseira no muque e a viagem continuar.

Nossa casa vivia cheia de gente: Seu Berné, Valdir Viana, Guilherme (técnico que ajudou na instalação que eu me lembro tinha uma filha chamada Mônica e que tinha o apelido de Monquinha). Era uma casa tão aberta que raramente a porta era trancada a chave. Quantas e quantas vezes o último que entrava esquecia de trancá-la, pensando que havia outro para chegar. Foi um tempo feliz e vale a pena recordá-lo. Você me contou de lembrar que papai só tomava café sem açúcar e eu me lembro com saudades de um bolinho de arroz que comia em sua casa: era uma delícia!...

Ilce Nunes Pazzini

As fotos desta página pertencem ao arquivo de Ilce Nunes Pazzini e mostram os primeiros tempos de luta para a instalação
da repetidora de televisão em Piquete
. Pertenci a esse grupo privilegiado de crianças que, na casa de seu Oswaldinho,
torcia em frente da TV para distinguir alguma imagem...

 

 

 

 

Voltar

 

 

 

 

| Home | Contato | Cantinho Infantil | Cantinho Musical | Imagens da Maux |
l
Recanto da Maux | Desenterrando Versos | História e Genealogia l
l
Um Herói nunca morre l Piquete - Cidade Paisagem l
MAUX HOME PAGE- designed by Maux
2003 Maux Home Page. Todos os direitos reservados. All rights reserved.