LITERATURA DE CORDEL



Não sabemos
Quem é Quem

Zé Bezerra, o Águia de Prata

Há muito nos conhecemos
Andamos juntos também
Estamos ao lado um do outro
Mas no nosso dia-a-dia
Não sabemos quem é quem

Quando eu vou ela não vai
Se a chamo ela não vem
E de tanto pensar nela
Não estou passando bem
E quando estamos juntos
Não sabemos quem é quem

Eu sei que não vale nada
Aquele que nada tem
A vida de quem vive só
Ela não vale um vintém
Se viemos separados
Não sabemos quem é quem

Quem não come jabuticaba
Não sabe o gosto que tem
Tens uns que ajudam a outros
Outros não ajudam ninguém
Mesmo ajudando um ao outro
Não sabemos quem é quem

Falta de amor ao próximo
É coisa que não convêm
Eu e ela somos assim
Só praticamos o bem
Mesmo amando um ao outro
Não sabemos quem é quem

Se digo que vou embora
Ela diz que vai também
Eu vou para o Amapá
Ela diz: Vou pra Belém
Se ficarmos separados
Não sabemos quem é quem

Nossa vida está assim
Nesse nosso vai e vem
Se não plantarmos a árvore
Frutos nunca se tem
Se nunca nos entregarmos
Não sabemos quem é quem

Eu a amo loucamente
Ela é meu sumo bem
E ela diz para mim
É tudo o que me convém
Vou convida-la hoje mesmo
Pra saber quem é quem

Top30 Brasil - Vote neste site!
Concurso Top30 Brasil

Voltar

| Home | Contato | Cantinho Infantil | Cantinho Musical | Imagens da Maux |
l
Recanto da Maux | Desenterrando Versos | História e Genealogia l
l
Um Herói nunca morre l Piquete - Cidade Paisagem l
MAUX HOME PAGE- designed by Maux
2003 Maux Home Page. Todos os direitos reservados. All rights reserved

HostMídia - Hospedagem Profissional de Sites