LITERATURA DE CORDEL



A Grande Dor da Saudade
Roberto Sales

Não pensei que a saudade
No peito doesse tanto,
Deixando o homem postado
Resmungando pelos cantos,
Remoendo a grande mágoa,
Derramando às vezes pranto.

É isso que muitos sentem
Rasgando dentro do peito,
Lembrando das coisas boas
Que por nós alguém tem feito,
Mas hoje só tem saudade
Que só o tempo dar jeito.

Alguém que tanto se ama
De repente vai embora,
O peito logo alerta
Querendo botar pra fora,
Mas a saudade é assim
Machucando a toda hora.

Mas só o tempo é quem cura
A grande dor da saudade,
Com apoio de quem fica
Mostrando felicidade,
Aliviando essa dor
Que nos faz tanta maldade.

A tristeza é um sintoma
Que a saudade ativa,
Machucando o nosso peito
Com certeza não alisa,
Cortando a gente por dentro
E quando vem não avisa.

Pode vir até remorso
Pra maltratar mais ainda,
Atormentando o cristão
Com essa dor que não finda,
Vai recordando um passado
De coisas boa e tão linda.

Top30 Brasil - Vote neste site!
Concurso Top30 Brasil

Voltar

| Home | Contato | Cantinho Infantil | Cantinho Musical | Imagens da Maux |
l
Recanto da Maux | Desenterrando Versos | História e Genealogia l
l
Um Herói nunca morre l Piquete - Cidade Paisagem l
MAUX HOME PAGE- designed by Maux
2003 Maux Home Page. Todos os direitos reservados. All rights reserved

HostMídia - Hospedagem Profissional de Sites