FORÇA EXPEDICIONÁRIA BRASILEIRA



Carlos de Meira Mattos

Carlos de Meira Mattos nasceu em São Carlos, Estado de São Paulo, a 23 de Julho de 1913, filho de Liberato de Mattos e Beneditina de Meira Mattos. Depois de concluir o Ensino Primário (Colégio Nossa Senhora do Carmo) e os estudos secundários na capital paulista, alistou-se no Exército em 1936 como cadete da Escola Militar do Realengo. Integrado como Capitão na Força Expedicionária Brasileira (FEB), fez em Nápoles o curso da Escola de Liderança e Combate. Regressado ao Brasil, diplomar-se-ia ainda pela Escola de Comando e Estado Maior do Exército, possuindo ainda o Curso Superior de Guerra. Em 1968 seria promovido a General de Brigada. Em 1973 foi promovido a General de Divisão. De entre as múltiplas atividades desenvolvidas pelo General Meira Mattos ao longo da sua vida salientam-se: Subchefe do Gabinete Militar da Presidência da República; Interventor Federal em Goiás; Adido Militar na Bolívia; Comandante do Destacamento Brasileiro da Força Inter-americana de Paz; Comandante da Brigada Latino-Americana da Força Inter-americana de Paz (presente na República Dominicana em 1965); Chefe de Divisão de Assuntos Políticos da Escola Superior de Guerra; Presidente da Comissão Especial para o Ministério da Educação e Cultura; Comandante da Academia Militar de Agulhas Negras; Inspetor Geral das Polícias Militares; Chefe do Estado Maior das Forças Armadas; Vice-Diretor do Colégio Inter-Americano de Defesa em Washington (EUA). Carlos de Meira Mattos doutorou-se em 1983 pela Universidade Mackenzie de São Paulo. Da sua vasta obra literária publicada importa referir: “Bandeiras Históricas do Brasil”; “Projeção Mundial do Brasil” (publicada em 1960); “Pensamento Revolucionário Brasileiro” (1964); “Operações na Guerra Revolucionária” (1966);  “A Experiência do FAIBRÁS na República Dominicana” (1966); “A Doutrina Política da Revolução de 31 de Março de 1964” (1967); “A Geopolítica e as Projeções de Poder” (1977); “Brasil—Geopolítica e Destino” (1975); “Uma Geopolítica Pan-Amazônica” (1980); “O Marechal Mascarenhas de Moraes e sua Época” (1983);“Geopolítica e Trópicos” (1984); “Estratégias Militares Dominantes” (1986); “Guerra nas Estrelas” (1988); “A Geopolítica e a Teoria de Fronteiras” (1990). Conferencista em múltiplas instituições brasileiras e estrangeiras, colaborador de publicações especializadas brasileiras e latino-americanas (A Defesa Nacional; Boletim Geográfico; Revista Brasileira de Política Internacional; Revista do Colégio Interamericano de Defesa; Estratégia; Revista da Escola Superior de Guerra, foi transferido para a Reserva em 1977, passando a desempenhar funções de Diretor do Curso de Especialização em Estudos Brasileiros (Pós-Graduação) na Universidade Mackenzie em São Paulo.

Fonte: www.esg.br


Gen Meira Mattos no IME sendo agraciado em 2004 pela AHIMTB como Comendador do Mérito Histórico Militar Terrestre do Brasil 

Morre o especialista em geopolítica
general Carlos de Meira Mattos



Mausoléu da FEB no Cemitério São João Batista, no Rio de Janeiro


Morreu ontem, aos 93 anos, na capital paulista, o general reformado do Exército Carlos de Meira Mattos. Doutor em ciência política pela Universidade Mackenzie, ele era veterano da Segunda Guerra Mundial e conselheiro da Escola Superior de Guerra. Estava internado no Hospital Santa Catarina desde meados de dezembro para uma cirurgia no abdômen, da qual não se recuperou. Mattos nasceu em São Carlos, no interior de São Paulo, e alistou-se nas forças paulistas durante a Revolução Constitucionalista de 1932. Ao final desta, ingressou como cadete na Escola Militar do Realengo. Fazendo parte da FEB (Força Expedicionária Brasileira), lutou na Segunda Guerra Mundial como Oficial de Ligação do Quartel-General do marechal Mascarenhas de Moraes e também no comando de uma companhia de fuzileiros do 11º Regimento de Infantaria. Foi agraciado com a medalha "Bronze Star", concedida pelo Exército dos Estados Unidos, pela sua participação na batalha de Monte Castelo, na qual a FEB teve importante atuação. Amigo e colaborador do presidente Humberto de Alencar Castello Branco, no seu governo (1964-67) foi subchefe do gabinete militar da Presidência da República. Quando da comemoração do centenário oficial de nascimento do ex-presidente, em 2000, Mattos coordenou o livro "Castello Branco e a Revolução", reeditado pela Biblioteca do Exército. Ocupou também o posto de comandante do Destacamento Brasileiro das Forças Inter-Americanas de Paz na República Dominicana, em 1965, e também foi comandante da Academia Militar das Agulhas Negras. Promovido a general-de-brigada em 1968, deixou a ativa em 1973, quando era vice-chefe do Estado-Maior das Forças Armadas. Publicou diversos livros nas áreas de geopolítica e estratégia militar.

Folha Online de 27/01/2007 

MINHA HOMENAGEM

Não conheci pessoalmente o General Meira. Meu contato com ele aconteceu através de uma lista de discussão sobre a FEB. Sua delicadeza ao me orientar sobre os livros que poderia buscar para melhor entender a História da FEB, nunca esquecerei. Ativo apesar da idade; lúcido, atencioso e delicado, buscou para mim dados pessoais do meu pai, em sua atuação como pracinha na II Guerra Mundial. Mais um HERÓI que parte e nos deixa órfãos de dignidade e amor à Pátria.

Maria Auxiliadora Mota Gadelha Vieira

 

Um Herói nunca morre!

Simples História de um Homem Simples
As Origens
Força Expedicionária Brasileira
l
1 l 2 l 3 l 4 l 5 l 6 l 7 l 8 l 9 l 10 l 11 l 12 l 13 l 14 l 15 l 16 l 17 l 18 l 19 l 20 l
l
21 l 22 l 23 l 24 l 25 l 26 l 27 l 28 l 29 l 30 l 31 l 32 l 33 l 34 l 35 l 36 l 37 l 38 l 39 l 40 l
l 41 l 42 l 43 l 44 l 45 l 46 l 47 l 48 l 49 l 50 l
51 l 52 l 53 l 54 l
55 l 56 l 57 l 58 l 59 l 60 l
l
61 l 62 l 63 l 64 l 65 l 66 l 67 l 68 l 69 l 70 l 71 l 72 l 73 l 74 l 75 l 76 l 77 l 78 l 79 l 80 l
l
81 l 82 l 83 l 84 l 85 l 86 l 87 l 88 l 89 l 90 l 91 l 92 l 93 l 94 l 95 l 96 l 97 l 98 l 99 l 100 l
Homenagens aos Heróis
Saudade
A vida felizmente pode continuar... 

 

 

 

Voltar

| Home | Contato | Cantinho Infantil | Cantinho Musical | Imagens da Maux |
l
Recanto da Maux | Desenterrando Versos | História e Genealogia l
l
Um Herói nunca morre l Piquete - Cidade Paisagem l
MAUX HOME PAGE- designed by Maux
2003 Maux Home Page. Todos os direitos reservados. All rights reserved.